quinta-feira, 16 de junho de 2011

O Fax do Nirso

Bom dia pessoal Alegre 

A tarde estaremos com muitas vagas pra você, seus parentes, seus amigos, etc…

Mas antes, vamos ler uma história “imtereçanti” Smiley piscando

 

Um gerente de vendas recebeu o seguinte fax de um dos seus novos vendedores:

''Seo Gomis, o Criente de Belzonte pidiu mais cuatrucenta pessa.

Faz favor tomá as providenssa.

Abrasso, nirso.''

 

Aproximadamente uma hora depois, recebeu outro:

''Seo Gomis, os relatório di venda vai xegá atrazado proque tô fexano umas venda.

Temo que manda treis mil pessa. Amanhã tô xegano.

Abrasso, Nirso.''

 

No dia seguinte:

''Seo Gomis, num xeguei pucausa de que vendi mais deis mil em beraba.

Tô indo pra Brazilha.

Abrasso, Nirso.''

 

No outro:

''Seo gomis, Brazilha fexô 20 mil. Vô pra Frolinopolis e de lá pra Sum Paulo no vinhão das cete hora.

Abrasso, Nirso.''

 

E assim foi o mês inteiro.

O Gerente, muito preocupado com a imagem da empresa, levou ao presidente as mensagens que recebeu do vendedor.

 

O presidente escutou atentamente o gerente e disse:

''Deixa comigo, que eu tomarei as providências necessárias.''

                                                                                                                                                                                                  E tomou...

Redigiu de próprio punho um aviso e o afixou no mural da empresa, juntamente com as mensagens de fax do vendedor:

 

"Os PHD do çetor de Marquetingue da Impreza ki num mostrá cirviçu tão dimitido çumáriamenti, incrusivi o Gomis. Motivu: Diproma Dimais, Cumpetença dimenus! A parti di oje nois tudo vamu fazê feito o Nirso.

Si priocupá menos em iscrevê serto , mod vendê maiz.

Acinado, o Prizidenti".

 

Está dado o recado… Smiley piscando

Nenhum comentário:

Postar um comentário